Cigarro: a saúde do seu cão em risco

Você sabia que a fumaça do seu cigarro prejudica a saúde de seu animal? Conheça os problemas que podem ser causados por esse hábito



Fonte: Figo Pet Insurance

Os animais domésticos que habitam lares onde se fuma, correm um risco maior de ficar

doentes, inclusive sendo mais afetados do que as crianças. Isto ocorre por causa de sua altura menor, o que os torna mais passíveis de serem afetados pelos produtos químicos do tabaco que se fixam aos tapetes, sofás e em outras superfícies. Com isso, têm 60% mais chances de desenvolver doenças, dentre elas o câncer de pulmão.


O tumor nasal é mais comum em cães que possuem proprietários fumantes. Estas

possibilidades aumentam se os cães têm focinho comprido, como é o caso dos Galgos ou dos Pastores. Isso acontece porque o nariz funciona como um filtro e retém as substâncias tóxicas. Por sua vez, os cães de focinho mais curto (Pugs e Bulldogs, por exemplo), estão mais expostos a desenvolver câncer de pulmão.


O fato do seu cão ser um fumante passivo também costuma provocar alergias severas e

bronquite. Mais uma vez, os cães com mais possibilidades de sofrer alergias graves e sinusite são os de focinho comprido. Os cães de focinho achatado, por sua vez, podem sofrer asfixia se ficam muito perto do fumo ou em um lugar com alta concentração de pessoas que fumam. Alguns dos sintomas de alergia à fumaça do cigarro que seu cão pode apresentar são: espirros, tosse, ruídos ao respirar e dificuldades respiratórias.


Além disso, dentre os muitos problemas que chegam a sofrer os cães com donos fumantes, o lacrimejamento excessivo ou a conjuntivite crônica podem também se apresentar. Estes casos se dão principalmente em animais com olhos saltados, como os Chihuahuas, os Shih Tzus e os Pugs. A fumaça também pode provocar problemas nos ouvidos dos cães.


Quanto mais restrito for o ambiente, maior o risco de contato intenso com a fumaça e

inalantes provenientes do cigarro. Se você fuma e não quer ou não pode deixar de fumar, você deve ter consciência de que é preciso preservar a saúde das pessoas e dos animais ao seu redor. Procure expulsar a fumaça através de uma janela no momento de acender um cigarro. Se verificar que seu cachorro está apresentando algum sinal de ter sido afetado pelo tabaco, leve-o urgentemente ao veterinário.


#fumentes #fumaça #cigarro #riscos #problemas #saúde #canina #cachorro #familyvet

80 visualizações

Autenticão 2018

Todos os direitos reservados

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Google+ Icon

Autenticão - São Paulo - ​30.041.893/0001-84​ - PAC 9 dias úteis / Sedex 6 dias úteis

Site created by Carolina Koury