“Lágrima Ácida”: o que é? Tem tratamento? Por que alguns cães são mais afetados que os outros?

Atualizado: 14 de Nov de 2018

Muitos tutores se preocupam com as manchas deixadas pela conhecida "lágrima ácida" e ficam com a cabeça cheia de dúvidas sobre ela. Chegou a hora de saber todas as respostas com a Dra. Ana Cristina da Family Vet




Muitos se referem ao fluxo em excesso da lágrima pela face do animal com o termo “Lágrima ácida”, entretanto, na verdade, este termo é inadequado, pois a mancha no pelo independe do pH da lágrima, e sim do excesso de contato da lágrima com os pelos, mantendo-os molhados de forma crônica. O que contribui para o escurecimento da região, formando a mancha no pelo do pet, são, principalmente, duas substâncias presentes na lágrima, a lactoferrina e porfirina.


Animais com este tipo de alteração devem ser avaliados pelo médico veterinário para se determinar a causa exata da alteração e direcionar o tratamento correto, medicamentoso ou até cirúrgico.


As causas deste distúrbio são diversas, tais como, presença de corpo estranho nos olhos, cílios fora do lugar, deformidades nas pálpebras, obstrução do ducto naso-lacrimal que drena a lágrima para dentro das narinas, alteração no trajeto anatômico do canal lacrimal, excesso na produção de lágrima entre outras.


Pode existir uma predisposição racial para os cães. Os mais acometidos são Poodle, Maltes, Yorkshire, Bichon Frise e raças braquicéfalas como Pugs, Buldogues, Lhasa Apso, entre outras, por conta da sua anatomia ocular. É facilmente observado em animais de pelagem clara, porém pode ocorrer em qualquer cor de pelagem.


Quando a resolução definitiva não for possível, pode-se lançar mão de procedimentos e produtos paliativos, com fins meramente estéticos, para tentar remover as manchas escuras dos pelos. Nesses casos, a prescrição do médico veterinário é indispensável, pois alguns produtos podem causar sérios problemas ao olho e pelagem do animal se usados inadvertidamente.


O tutor pode colaborar para sua melhora com uma boa limpeza diária. Portanto, é preciso manter a região sempre seca. Duas vezes ao dia, o proprietário deve limpar com gaze e soro fisiológico e, em seguida, mais uma gaze seca para drenar toda a umidade.


#lágrima #ácida #veterinária #saúde #canina #dúvidas

132 visualizações

Autenticão 2018

Todos os direitos reservados

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Google+ Icon

Autenticão - São Paulo - ​30.041.893/0001-84​ - PAC 9 dias úteis / Sedex 6 dias úteis

Site created by Carolina Koury